Português Inglês Persa
Hoje é Sábado, 4 de Dezembro de 2021
16 delegações comerciais visitaram o Irã nos primeiros 3 meses pós-sanção


16 delegações comerciais visitaram o Irã nos primeiros 3 meses pós-sanção

Cerca de 16 delegações comerciais visitaram o Irã nos primeiros três meses após a implementação do acordo nuclear entre a República Islâmica e as potências mundiais globais", Mohammad Baqer Nobakht, porta-voz do governo disse em uma coletiva de imprensa n



O porta-voz esclareceu que desde o levantamento inicial de sanções em 16 de janeiro, oito presidentes, cinco primeiros-ministros, três oradores do Parlamento e 14 chanceleres de países diferentes viajaram para o Irã, Mohammad Baqer Nobakht disse para o IRIB.

Destacando a vitalidade de aproveitar as oportunidades nacionais na era pós-sanções, o alto funcionário observou que, durante o referido período, a administração iraniana negociou com 12 bancos internacionais e instituições financeiras para usar uma linha de crédito de US$ 73 bilhões.

Na segunda-feira, Valiollah Afkhamirad, o chefe da Organização de Promoção do Comércio do Irã (TPO), anunciou que o número de delegações comerciais estrangeiras que visitaram o Irã durante o ano civil iraniano passado de 1394 (que terminou em 19 de Março, 2016) triplicou em relação ao ano anterior (1393), a agência de notícias IRIB relatou.

"Em 1394, 64 delegações comerciais compostas de 837 empresários estrangeiros e funcionários de 28 países visitaram o Irã", disse ele, "a figura triplicou em relação ao ano de 1393, quando 19 delegações, incluindo 477 pessoas de 16 países fizeram viagens para a República Islâmica", ele adicionou.

"Assim, o número de delegações visitantes aumentou 237% no ano passado, enquanto que o número de visitantes empresários e países registaram um aumento de 75%", Afkhamirad observou.

Países estrangeiros e delegações estão correndo para garantir oportunidades de negócios no Irã depois que o Irã e o grupo P5 + 1 dos países chegaram a um acordo sobre o programa nuclear de Teerã na capital austríaca de Viena em 14 de Julho, entre eles está o Presidente da Coreia do Sul, Park Geun-hye que chegou a Teerã na noite de domingo, acompanhado por uma delegação de 236 empresários - a maior equipe que já visitou um país estrangeiro.