Português Inglês Persa
Hoje é Sábado, 21 de Maio de 2022


"Comprometidos com o diálogo", Bern remove sanções ao Irã.

A Suíça suspendeu as sanções contra o Irã devido ao seu programa nuclear, chamando o acordo alcançado entre Teerã e as potências mundiais em Julho, um "ponto de viragem".



O Conselho Federal Suíço, em um comunicado quarta-feira que a decisão entraria em vigor na quinta-feira.

"A decisão de hoje pelo Conselho Federal sublinha o seu apoio ao processo em curso para implementar o acordo nuclear, e sua confiança nas intenções construtivas das partes em negociação", dizia o comunicado. "Este acordo abre novas perspectivas políticas e económicas com o Irão, incluindo as relações bilaterais."

Ele acrescentou que as sanções tinham sido suspensas desde Janeiro de 2014.

À medida que o poder protetor para os Estados Unidos sem embaixada em Teerã, Suíça "tem sido comprometida com o diálogo e manter canais de comunicação abertos", disse.

O Plano Conjunto Integrado de Acção (JCPOA), alcançado entre Teerã eo P5 + 1 - os EUA, a Grã-Bretanha, Rússia, China, França e Alemanha - em Viena em 14 de julho ", estabelece as bases para a quitação total da disputa nuclear ", disse o comunicado.

As proibições suíços estavam relacionadas com operações de metais preciosos, petroquímica, petróleo cru e, de seguros e de resseguros, bem como as obrigações em matéria de transferências de dinheiro.

Bern também removeu sanções contra oito pessoas e organizações iranianas.