Português Inglês Persa
Hoje é Terça-Feira, 19 de Novembro de 2019
Irã entre os 10 melhores países em termos de reservas minerais: Oficial


Irã entre os 10 melhores países em termos de reservas minerais: Oficial

Um funcionário iraniano diz que a República Islâmica está entre melhores do mundo 10 países em termos de reservas minerais.



"De acordo com as estimativas actuais, montante total do Irã de reservas minerais foi estimada em 50 bilhões de toneladas, tornando a classificação do país entre os maiores do mundo 10 países a este respeito", Asadollah Keshavarz, Ministério da Indústria, da mina e Comércio diretor-geral para a prospecção de negócios foi citado pela mídia iraniana como dizendo domingo à noite.

Falando a jornalistas nos bastidores de uma exposição sobre as indústrias minerais na província de Khorasan do Sul, o funcionário acrescentou que, em termos de diversidade de reservas minerais, o país está entre os melhores do mundo cinco países.

Keshavarz afirmou que existem cerca de 70 regiões minerais no Irão, alguns dos quais não foram prospectados devido a questões ambientais.

"Fora de 7.000 minas existentes no país, cerca de 4.500 são ativos, gerando empregos diretos para 120 mil pessoas", disse ele.

Os comentários do oficial veio como o Irã está se preparando para sediar a maior conferência internacional sobre minas e indústrias de minerais com a participação de empresas de 27 países.

O evento apelidado de "o Irã Minas e Mineração Indústrias Summit (IMIS 2015)," será realizada 31 de Maio a 01 de junho de 2015, na capital iraniana de Teerã.

Em 13 de maio, o vice-ministro da indústria, minas e comércio, Mehdi Karbasian, disse 284 empresas nacionais será também presente na conferência, durante a qual serão apresentados mais de 200 projetos minerais prontos para o investimento.

Karbasian, que também preside o conselho de iraniano Minas e Mineração Indústrias Desenvolvimento e Organização de Renovação (IMIDRO), acrescentou que a conferência terá a participação de empresas estrangeiras de 27 países, incluindo a Alemanha, Suécia, Finlândia, China, Índia, Japão e Canadá.

"O tema mais importante a ser discutido na conferência é o setor mineral e de seu papel na criação de novos postos de trabalho e contribuir para o desenvolvimento do país", disse ele.

De acordo com Karbasian, respectivas acções de minas e indústrias de minerais no produto interno bruto do país estar em um e 5 por cento.

SS / SS